Já fazem quase duas semanas que cheguei aqui na Nicarágua, e essa é a primeira vez que visito o país.

Estou hospedado no Miramar Surf Camp, um hotel que recebe surfistas do mundo todo e fica posicionado em cima do cliff e no meio dos principais picos da região. Na sua frente, fica o point break Punta Miramar, uma esquerda com fundo de pedras, que funciona em todas as marés quando há ondulação. Quando está grande, os locais me disseram que é um drop tranquilo e um tubo mais a frente (louco para que entre um swell grande).

 

Falando em swell, desde que cheguei aqui, não entrou um swell grande, porém sempre tem ondas de meio a um metro com a formação excelente e o vento terral que na maioria das vezes fica até a hora do almoço, aí entra um vento lateral e no fim de tarde para o vento. Teve só um dia que não foi assim!

Voltando para os picos que estou fotografando e surfando por aqui, a esquerda do Miramar Surf Camp tem 2 picos, sendo o Chicken Bowl (ou Shacks) que fica a bancada a uns 300 metros do hotel e com o fundo de areia e pedras, esse pico quebra uma esquerda tubular, boa de surfar da meia maré para a maré cheia.

 

Se Chicken Bowl estiver crowd, você anda mais 100 metros e está em Shifts, um beach break com umas pedras perdidas, mas tranquilo na maré cheia. Essa onda ela proporciona alguns picos, vi muitos triângulos quebrando sozinho.

 

 

Além dessas ondas, há um quarto pico, que fica a 500 metros a direita do hotel que se chama PIPES, esse é um pico com fundo de areia para as ondas que vão para direita e para a esquerda há uma lage e algumas pedras mais para a sessão do inside. Essa onda é muito boa, quebra pros 2 lados, sendo a esquerda mais longa e tubular, mas a direita também tem seus momentos.

 

 

Bom, esses picos mencionados acima são os que são próximo ao hotel e não precisam de transporte para ir.

No próximo blog, vou falar de Salinas Grande e Puerto Sandino, picos o qual se faz necessário o uso de barco para ir até lá.

Fiquem ligados por aqui. Hasta luego! Douglas Cominski

 

 

Deixe o seu comentário:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *